Fale com um consultor: (13)98215-9743

Curiosidades do Açai

# - 07/May/2020
O termo "açaí" é oriundo do tupi yasa'i, "fruta que chora" "terra", numa alusão ao suco desprendido pelo seu fruto.[1] É uma espécie monocotiledônea nativa da várzea da região amazônica, especificamente dos seguintes países: Venezuela, Colômbia, Equador, Guianas, Perú e Brasil (estados do Amazonas, Amapá, Pará, Maranhão, Rondônia, Acre e Tocantins), assim como de Trinidad e Tobago e das bacias hidrográficas da Colômbia e Equador que desembocam no Oceano Pacífico.[4] O açaí é um alimento muito importante na dieta dos nortistas do Brasil, onde seu consumo remonta aos tempos remotos. Hoje em dia, é cultivado não só na Região Amazônica, mas em diversos outros estados brasileiros, tendo sido introduzido no resto do mercado nacional durante 1980 e 1990. Os estados do Pará, Amazonas e Maranhão no Brasil, são os maiores produtores da fruta, sendo, juntos, responsáveis por mais de 85% da produção mundial. Um exemplo disso é o município de Igarapé Mirim no Pará, conhecido mundialmente como "a Capital Mundial do Açaí", por ser o maior produtor e exportador do fruto no mundo. O açaí é considerado, por muitos, uma iguaria exótica, sendo apreciada em várias regiões do Brasil e do mundo. O açaizeiro é semelhante à Palmeira Jussara (Euterpe edulis Mart.) da Mata Atlatica, diferenciando-se desta porque cada planta de juçara tem somente um caule mas os açaís crescem em touceiras de 4 a 8 estirpes (troncos de palmeira), cada um de 12 metros de altura e 14 centímetros de diâmetro médio e podendo chegar a até uns 20 metros de altura

O termo "açaí" é oriundo do tupi yasa'i, "fruta que chora" "terra", numa alusão ao suco desprendido pelo seu fruto.[1]

É uma espécie monocotiledônea nativa da várzea da região amazônica, especificamente dos seguintes países: VenezuelaColômbiaEquadorGuianas, Perú e Brasil (estados do AmazonasAmapáParáMaranhãoRondôniaAcre e Tocantins), assim como de Trinidad e Tobago e das bacias hidrográficas da Colômbia e Equador que desembocam no Oceano Pacífico.[4]

O açaí é um alimento muito importante na dieta dos nortistas do Brasil, onde seu consumo remonta aos tempos remotos. Hoje em dia, é cultivado não só na Região Amazônica, mas em diversos outros estados brasileiros, tendo sido introduzido no resto do mercado nacional durante 1980 e 1990. Os estados do Pará, Amazonas e Maranhão no Brasil, são os maiores produtores da fruta, sendo, juntos, responsáveis por mais de 85% da produção mundial. Um exemplo disso é o município de Igarapé Mirim no Pará, conhecido mundialmente como "a Capital Mundial do Açaí", por ser o maior produtor e exportador do fruto no mundo. O açaí é considerado, por muitos, uma iguaria exótica, sendo apreciada em várias regiões do Brasil e do mundo.

O açaizeiro é semelhante à Palmeira Jussara (Euterpe edulis Mart.) da Mata Atlatica, diferenciando-se desta porque cada planta de juçara tem somente um caule mas os açaís crescem em touceiras de 4 a 8 estirpes (troncos de palmeira), cada um de 12 metros de altura e 14 centímetros de diâmetro médio e podendo chegar a até uns 20 metros de altura.

Fonte: #

Compartilhar: